A I.A. - Inseminação Artificial é um método reprodutivo que possibilita massificar o uso do garanhão. O sêmen pode ser utilizado a fresco, refrigerado ou congelado.

A exemplo do óvulo, o sêmen a fresco tem vida curta, menos de 10 horas. Um ejaculado é suficiente para inseminar de seis a oito éguas, dependendo da qualidade do sêmen.

A qualidade do sêmen é avaliada em termos de volume, concentração, motilidade e morfologia.

Em estado refrigerado a viabilidade das células espermáticas pode ser prolongada para um periodo médio de 24 horas, desde que um diluente adequado seja utilizado. O transporte é feito em embalagens apropriadas, para manter a temperatura padrão de geladeira.

A inseminação com sêmen refrigerado viabiliza a utilização de garanhões localizados em qualquer região do país, pois todas são interligadas pelo transporte aéreo.

O sucesso da Inseminação Artificial está no uso de sêmen de boa qualidade, no momento certo da ovulação.

Durante a estação de monta, que se prolonga por um periodo de, aproximadamente, seis meses um garanhão de boa fertilidade terá condições de emprenhar mais de 300 éguas.

Em estado congelado o sêmen é armazenado em paletas, que são mantidas em butijão de nitrogênio, durante periodo indefinido, sob temperatura de quase 100 graus negativos. O diluente deve ser especifico para este procedimento, para conferir proteção e nutrição às células espermáticas.

Entretanto, nem todo sêmen suporta o congelamento. E mesmo que seja viavel, o uso do sêmen congelado implica em uma perda de fertilidade na ordem de 50 a 60%, em média. Ainda assim, é vantagem, pois os custos com coleta e transporte são eliminados.

CUSTOS COMPRA DE COBERTURA – Alem do preço pago pela cobertura o comprador terá que pagar despesas com a logistica do semen:

1) Coleta – custo oscila na faixa de R$ 150,00

2) Transporte do semen – via aérea ou terrestre (motoboy ou onibus) – custo oscila na faixa de R$ 50,00

3) Inseminação – custo oscila na faixa de R$ 150,00

<< Home